Feirense-D. Chaves, 1-0

O Feirense aproximou-se do líder da Liga de Honra, ao vencer o Chaves por 1-0, em jogo da 16.ª jornada da prova, disputado no Estádio Marcolino de Castro, em Santa Maria da Feira.

Um golo de Roberto, aos 67 minutos, foi o suficiente para a formação de Santa Maria da Feira levar de vencida a equipa flaviense e manter-se na corrida à subida à Liga Sagres.

O primeiro tempo foi de sentido único, o da baliza do Desportivo de Chaves, formação que não perdia há cinco jogos, com o Feirense a encontrar duas dificuldades: a densa barreira defensiva contrária e o estado do terreno.

Mesmo perante as dificuldades, o Feirense esteve perto de marcar, aos 11 minutos, quando Igor Sousa desferiu um remate cruzado rente ao poste, e aos 20, com Adilson, em posição privilegiada, a atirar contra um adversário, o mesmo sucedendo na recarga de Igor Sousa.

A toada do segundo tempo foi em tudo igual ao da primeira etapa, já que o Feirense, agora com Roberto no lugar de Igor Souza, entrou muito forte e a beneficiar do maior recuo da linha defensiva flaviense.

O domínio absoluto apenas foi materializado aos 67 minutos, quando Roberto, bem lançado por Tales, isolou-se diante Rui Rego, atirou a bola contra este e, na recarga, inaugurou o marcador.

O Chaves reagiu, finalmente, mexeu na frente de ataque, mas Leandro Perez anulou por completo, em todo o jogo, o municiador flaviense, Carlos Pinto, pelo que a equipa de Nuno Pinto nunca chegou a ser perigosa.

Jogo no Estádio Marcolino de Castro, em Santa Maria da Feira

Assistência: cerca de 1000 espectadores

Árbitro: Luís Reforço (Setúbal).

Ao intervalo: 0-0

Marcador: 1-0, Roberto, 67 minutos.

Feirense: Paulo Lopes, Joel Neves, Luciano, Igor Souza (Roberto, 46), Hélder Castro, Elvis, Leandro Perez, Adilson (Pinheiro, 89), Marco Cadete, Tales e Renato Queirós (Ludovic, 62)

D. Chaves: Rui Rego, Danilo, Ricardo Rocha, Carlos Pinto, Castanheira, Clemente, Bruno Magalhães, Diop, Eduardo (Karim Rouami, 81), Lameirão e João Fernandes (Vítor Silva, 75).

Acção disciplinar: cartão amarelo para Clemente (47), Leandro Perez (64), João Fernandes (70), Ricardo Rocha (70) e Castanheira (79).

1 comentários:

Ruben Brás disse...

Eu continuo a acreditar na subida. O Desportivo tem um meio campo muito forte, mas penso que deveria ser mais arrojado na frente. Força Chaves!!